terça-feira, 31 de julho de 2012

Essa pequena câmera pode trazer grandes alegrias

Essa semana a Lomography lançou as novas câmeras Fisheye Baby Basic e Metal. São duas lindas câmeras pequenininhas (que podem até ser usadas como chaveiros). Elas usam filme em formato 110 e produzem imagens redondas lindas!




Os filmes em formato 110 voltaram a ser produzidos pela Lomography esse ano e podem ser comprados na loja online. Por enquanto, eles só estão vendendo no Brasil o filme Orca 110 P&B, que produzem imagens lindíssimas com alto contraste, como esta aqui:


Mas o filme colorido já foi lançado no mercado internacional e logo logo chegará nas terras brasileiras, espere já com a sua câmera na mão para conseguir fotos lindas, redondas e coloridonas como essa abaixo:


Eu quero muito a minha fisheye baby e já escolhi a Metal por causa da opção de usar o flash da Diana! =)

sábado, 14 de janeiro de 2012

Não consigo dormir, mas é por medo de morrer

To chorando muito. Já liguei pro meu amigo e pro meu psicólogo. Já chorei com a minha mãe no telefone mais cedo também. Eu to dando problema de novo.

E se meu psicólogo lesse isso ele ia saber que eu to me culpando por me culpar por me culpar por me culpar... por ligar pra ele, por preocupar a minha mãe, o meu amigo. Por não ter arrumado a mala pra viajar com a minha irmã, por não ter entregado o capítulo pro meu orientador ainda. Por ter tomado muito remedio pra dor de cabeça, por ter parado o tratamento da dor de cabeça no meio e agora estar dando problema de novo. Por ter ligado pro meu amigo, por ainda gostar dele. Por ainda gostar dele, do meu ex e do meu namorado ao mesmo tempo. Por não conseguir rezar. Eu to me culpando por estar chorando e por não conseguir dormir. Por ter ficado vendo Law and Order SVU até tarde e agora estar com medo de alguma coisa acontecer comigo. E to me culpando por me culpar por tudo isso.

Qual é o meu problema???!

Eu queria tanto ficar melhor. Eu sempre acho que as pessoas acham que eu to assim porque eu quero, mas eu acho que sou eu que penso isso. Sou eu quem pensa que eu sou fraca e que to assim porque eu não sou boa o suficiente pra lidar com meus proprios problemas. Que não existem, na verdade. Eu não tenho nenhum problema, nunca nada de ruim aconteceu comigo. A não ser que você conte como muito ruim não conseguir dormir a noite porque você ta chorando que nem um maluco porque você ta com medo de invadirem a sua casa, ou de você morrer dormindo, ou de ter uma barata andando em você porque seu quarto ta muito sujo porque você não teve a coragem de tirar o lixo...

Da pra contar isso como problema de verdade?

Eu sabia que não era pra eu ficar aqui sozinha de noite. Eu falei com a minha amiga e ela disse que eu sempre deixo ela sozinha e que ela nunca reclama. Eu não tava reclamando, eu tava só dizendo que eu tinha medo de ficar sozinha comigo mesma e de fazer alguma besteira e acabar me machucando. Eu não quero me machucar, só que as vezes eu quero. Quero dizer, eu nunca quero, mas as vezes isso passa pela minha cabeça e eu tenho medo de acabar fazendo, mesmo sem querer. Ta bom. Isso não faz nenhum sentido...

Eu acho que ter medo de morrer enquanto eu durmo é um motivo bem melhor pra ficar acordada do que ter vontade de me jogar pela janela. Eu não tenho medo de morrer quando me da vontade de me jogar pela janela, ou de me cortar. Quero dizer, eu acho que eu tenho, eu acho que eu tenho sim. Porque eu sempre dou um jeito de falar com alguem pra me ajudar pra eu não ficar sozinha e não fazer isso. Tanto que eu nunca fiz.

Mas eu acho que é bom que hoje, mesmo eu estando completamente sozinha, eu não tive vontade de morrer. Quando eu fico assim, eu geralmente tenho vontade de morrer, mas eu tenho medo. Hoje eu só tive medo. Isso é bom, não é?

Agora a janela bateu por causa do vento e eu to com muito medo... to com medo de todos os barulhos... eu pareço uma criança assustada. Ainda bem que eu moro no 12 e a minha janela tem grade.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Dias não tão felizes

Eu comecei esse blog pra escrever sobre as pequenas alegrias de cada dia, que são as coisas que nos fazem ser realmente feliz, mas que raramente a gente nota. Os meus dias, desde domingo, eu tenho certeza de que foram cheios delas, mas eu não consegui notar...

A minha tristeza me pegou de jeito de novo no domingo, eu chorei muito e pensei em morrer. Eu não sei porque começou, eu nunca sei, não aconteceu nada de relevante... mas eu fiquei miseravelmente triste. Eu lembro que eu sentei no banheiro e chorei muito e pensei em ir na cozinha, pegar uma faca e me cortar. Eu não queria morrer, eu só queria me machucar, sentir dor... eu não sei explicar direito.

Mas, ao mesmo tempo que eu penso essas coisas infelizes, alguma parte dentro de mim sabe que isso tá errado, sabe que eu tenho que ser mais forte... Eu tinha feito uma promessa na sexta, pra Maria, de que se eu conseguisse trabalhar no fim de semana, eu iria na Missa no domingo. Fazia muito tempo que eu não ia na Missa, porque eu discordo fortemente de muitas coisas que a Igreja Católica prega. Mas eu acredito. Eu acredito no sacramento da comunhão e eu acredito no amor de Maria por todos nós. Então eu rezei, na sexta, e pedi pra ela me ajudar a trabalhar e prometi que eu iria na Missa no domingo se ela me ajudasse.

Só que eu não trabalhei, eu não consegui sentar nem por meia hora pra fazer o que eu tenho que fazer... e então eu não ia na Missa. Mas domingo chegou e a tristeza veio junto e os pensamentos de me cortar e de querer morrer. É um sentimento horrível, que eu não desejo pra ninguém... E eu lembrei da minha promessa e lembrei que eu acredito.

Eu fui na Missa. Eu tomei um remédio pra dormir e fui. Eu comunguei. Eu sei que isso é errado, mas comungar foi a única coisa que me impediu de me machucar aquela noite. Depois eu dormi.

Desde então, eu falei com a minha ex divididora, que estuda psicologia e sempre me ajuda. Ela me disse pra contar o que eu senti pro meu psicólogo e chamar o meu namorado pra ficar aqui comigo. Ela ficou superpreocupada e tem me ligado todos os dias. Eu também contei pra minha irmã, que queria que eu fosse pra casa da nossa mãe, pra elas poderem tomar conta de mim, mas eu não quis ir.

Eu contei pro meu psicólogo na segunda de madrugada, por mensagem de texto. Ontem ele me ligou e pediu que, se eu me sentisse assim de novo, não importava o horário, que eu ligasse pra ele e ele ia conversar comigo. Mas ontem eu dormi bem, acho que porque tava todo mundo me ajudando e meu namorado tava aqui.

Mas a parte que me deixou mais triste foi meu namorado. Na segunda, ele veio aqui pra dormir comigo também e eu contei pra ele. Só que ele foi totalmente insensível, ele dormiu enquanto eu falava e não percebeu que eu sai da cama chorando pra mandar mensagem pro meu psicólogo.

E, além disso, eu também mandei mensagem pra um outro garoto... um amigo meu que sempre me ajuda. Ele me ligou e ficou conversando comigo pra me acalmar. Meu namorado não ia gostar nada disso, eu sei. Eu nunca mais tinha ligado pra esse cara, mas eu precisava de ajuda... eu não sei se foi errado... eu não sei de muita coisa... eu só sei que eu precisava de ajuda...

Agora eu to me sentindo um pouco melhor. Vou encontrar meu psicólogo na sexta e vou contar tudo pra ele exatamente como eu acho que aconteceu, porque isso é tudo que eu posso fazer... Na sexta, o meu namorado vai viajar e só volta dia 3 de fevereiro... Eu achei isso legal, primeiro porque ele vai ganhar um bom dinheiro com essa viagem e isso vai fazer ele se sentir bem. E depois porque eu preciso de tempo pra escrever minha dissertação e com ele por perto tudo fica mais complicado.



Na verdade, eu to me sentindo tão melhor que eu acho até que consigo fazer uma listinha das pequenas alegrias dos últimos dias:

- Meu orientador me mandou um email dizendo que eu tinha que escrever um resumo de última hora pra ele poder pedir a minha banca e eu escrevi! E ficou legal! (ta... eu sempre fico feliz de conseguir trabalhar, nem que seja só um pouquinho...)
- Meu orientador pediu a minha banca! (uhul! o mestrado ta acabando!!!)
- Eu doei sangue ontem! (fico superfeliz de poder ajudar!)
- Eu comecei a ver uma nova série muito legal, Once Upon a Time... só tem 8 episódios por enquanto, mas eu já vi todos e achei muito divertido!
- Eu já sou nível 82! Quase 83! Daqui a pouco eu sou 85!!! (uhul! uhul!!!)
- Minha dieta ta adiantando... eu já to com 59,5kg, que é o mesmo peso que eu estava antes das festas e comilanças de fim de ano. Eu vou continuar na dieta pra ver se eu volto a ter 55kg como em junho do ano passado ou até se eu alcanço meu 54kg... =)

Viu, uma lista bem grande pra quem estava miseravelmente infeliz. Eu acho que as coisas podem começar a voltar a ficar bem agora. Então eu vou lá, tomar um banho, lavar a pilha de louça dos últimos dias (pra fazer minha roommate mais feliz), vou jogar um pouco de wow e talvez ir pra casa do namorado. Afinal, ele vai viajar na sexta por 20 dias!




sábado, 7 de janeiro de 2012

Feliz e tentando fazer alguma coisa

Bom, o que dizer? Minha consulta com meu psicólogo foi meio incômoda, como tem sido quase todas as coisas que eu tenho que fazer fora de casa. Nós conversamos por quase 1h30 e ele me mostrou o novo plano de tratamento para TAG (transtorno de ansiedade generalizada), que ele acha que eu tenho e que eu penso que se aplica.

Meu namorado veio pra cá ontem. Também vieram o meu primo e a noiva dele. Nós pedimos pizza e ficamos conversando até bem tarde. Foi bastante legal... Depois eu e o meu lindo tivemos uma noite meio chata... bem chata. Ainda mais chata porque ele teve que trabalhar hoje o dia todo e a gente ainda não teve tempo de ficar junto de novo pra resolver isso. Ele fica preocupada, eu fico meio assim assim e as coisas só vão melhorar quando a gente se ver de novo mesmo...



Mas isso foi tranquilo, já passou. Hoje eu acordei na maior animação pra trabalhar. Fiz os gráficos que eu tava devendo pro orientador a quase um mês e agorinha mesmo eu tava tentando revisar a dissertação. Claro que isso não funcionou perfeitamente bem, principalmente porque eu só consegui olhar pra ela por 10 minutinhos e to aqui escrevendo, mas já é alguma coisa, antes eu não tava conseguindo ter vontade nem de abrir o arquivo... Hoje de manhã que foi bom mesmo, eu trabalhei por 40 minutos pra fazer os gráficos e deu tudo certinho. Claro que conta muito o fato de eu gostar bem mais de fazer os meus programas do que de escrever essa merda. Mas essa merda vai ter que ser escrita e vai ter que ser por mim... então é bom eu parar com essa palhaçada.

Na verdade, eu fiz uma promessa de que eu iria tentar escrever pelo menos uma hora nesse fim de semana, mas pelo menos por hoje não adiantou muito.

Eu to chata, do desanimada, to sem vontade de fazer nada. Nem de jogar wow... =(

Mas vá lá... o objetivo desse blog é pra eu perceber o quanto eu sou feliz todos os dias, então vou mandar a minha listinha.

Pequenas alegrias de hoje (e ontem):
- Passei a noite com meu amor, ele me abraçou pra dormir e disse que me ama (e eu fico cheia de amores e fofuras por causa disso... hihihi)
- Conversei pra caramba com minha divididora, meu primo, a noiva dele e meu amor
- Comi pizza!
- Comprei várias coisas pra dieta desintoxicante que nós vamos fazer por 3 dias (querendo perder até 2kg!)
- Acordei mais 300g mais magra, to com 60,1kg agora (ta funcionando bem o meu controle de alimentação pra perder os quilinhos que eu engordei no final do ano passado... eu tava com 62kg!)
- Saiu Grey's Anatomy e a Meredith ficou com a Zola! (eu torço pelos meus personagens preferidos... pena que a Addison ainda não conseguiu o bb dela...)
- Consegui entregar os gráficos pro meu orientador e abri a minha dissertação pra dar uma olhada (eu pretendo fazer mais que isso amanhã, mas um dia de cada vez...)

Obs.: Eu acho que todas as pessoas pensam que eu sou muito a toa, que eu não faço meu trabalho, etc. Mas eu não to conseguindo trabalhar, isso é sério e é horrível pra mim. Eu fico com vergonha e acho que as pessoas não vão me entender, nem meu psicólogo... Mas eu to tentando, eu juro, eu me planejo, eu até abro, mas dá um nervoso tão grande, tão grande... eu não sei mesmo o que fazer pra resolver esse problema.... acho que vou ter que trabalhar de 10 em 10 minutos talvez... ou de 5 em 5... porque meu limite ta muito muito baixo...

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Consegui trabalhar!!! uhul!!!

Hoje eu consegui escrever a tese por 45 minutos. Isso me rendeu quase 7 páginas, muito eficiente! Claro que foi bem mais eficiente porque eu já tinha um trabalho sobre esse assunto, então foi só dar uma adaptada, mas foram 45 minutos adaptando!

No final eu já estava exausta, mesmo. O meu psicólogo tinha falado pra eu tentar trabalhar em intervalos de 20 minutos, pra não ficar muito irritada com o trabalho e conseguir produzir mais. Mas hoje meu orientador tinha me enviado um email e eu tinha que ter alguma coisa concreta pra poder responder ele.

Eu ainda dei uma enrolada, então vou ter que trabalhar bastante amanhã pra enviar os gráficos que eu já deveria ter feito. São bem tranquilos de fazer, na verdade, mas enche o saco. Eu tenho que sentar a bunda e fazer essa merda... Pra falar a verdade, eu sempre fico animada quando eu começo a fazer meus gráficos, mas pra começar é um cu!



Eu ainda não cheguei no 80... mas to em 95% do 79! Amanhã eu chego, com certeza! E vou pras áreas do Cataclysm! uhul!!

Hoje a minha eficiência foi de 27%, eu fui mais distraída que 96% das pessoas =( ... Mas pra compensar, eu posso dizer que escrevi a tese por 45 minutos e só joguei wow por 42!!

Ontem, eu tinha esquecido de comentar, minha eficiência foi de 36%. Uma pena que não foi trabalhando... eu fiquei 2h15 construindo as minhas tabelas financeiras (muito úteis e necessárias pra eu poder planejar a compra da minha cama) e 2h jogando wow.

Pra você ver como o wow está consistentemente ficando em segundo lugar nas minhas atividades. Eu só tenho que lembrar de sair dos sites inúteis que eu entro e que atrapalham os meus cálculos de eficiência. Eu conto o blog como eficiência +1 porque ele faz bem pra minha saúde mental... os trabalhos com planinhas, escrever tese e fazer histogramas como eficiência +2. Os blogs que contribuem pra minha formação e informação eu conto como -1 e wow e blogs de humor como -2. Acho justo, não?



Só comentando meu problema de hoje de manhã... eu fui feliz hoje sem meu namorado! Eu desci com a minha bff pra tomar mate, paguei meu cartão de crédito, escrevi tese, joguei wow, lavei mais duas máquinas de roupas. Por falar em cartão, eu nunca mais vou no shopping com a minha irmã! Principalmente pra comprar presente de natal! Eu to pagando quase 30% dos meus rendimentos em cartão de crédito! E ainda tá parcelado!!! Por isso que eu só vou sair do sufoco em março...

Amanhã eu quero muito encontrar meu namorado lindo, que a saudade é horrível! E ele vai trabalhar no sábado (e me convidou pra ir lá!). Amanhã eu também tenho psicólogo, o que é ótimo! Eu to ficando maluca já aqui sozinha! Preciso do meu psicólogo urgentemente!!!

Coisas pra fazer amanhã:
- Ver namorado (sexo! beijo na boca! carinho! carinho!)
- Ver psicólogo (tentar voltar ao normal... contar as novidades felizes)
- Lavar pilhas de roupas (que não acabam nunca! eu preciso de um varal maior!)
- Fazer histogramas!!! (esse é urgente mesmo, eu precisava pra ontem! sem brincadeira!)
- Escrever pelo menos uma página, ou melhor, olhar a parte que eu tenho escrita em inglês e traduzir... e corrigir a parte que o orientador mandou de volta ha séculos!
- Continuar na dieta (hoje eu tomei um shake horrível! eu espero que de mais resultado amanhã na balança!)

Pequenas e GRANDES alegrias de hoje:
- Anunciei um iPod touch segunda geração de 16g no mercado livre! Tive 16 visitas e uma pergunta por enquanto... Também tem interessados no facebook! Eu acho que vou conseguir vender!
- Beber mate bem gelado no dia quente conversando com a minha melhor amiga querida do coração
- Conversar com minha mamãe pelo skype... saudade...
- Agora a grande novidade: VOU TER BOLSA DE DOUTORADO!!! uhul! uhul! Fiz até uma dancinha na sala pra comemorar! hehehehe Vou ter bolsa! Vou ter bolsa! Não to mais na merda! Vou ter bolsa!! (e pensar que meu psicólogo ainda pensa que eu não passei... tenho que contar tudo pra ele amanhã!)

Música pra comemorar!!


Como ser feliz sozinha?

Bom, ontem foi um dia feliz sim, apesar da briga com meu namorado (que terminou na cama...).
Eu tava muito irritada com ele e não sabia porque. Ele sabia e falou bem na minha cara que eu ficava nervosa quando ele não aparecia pra me ver.

Isso é muita verdade. Eu fazia isso com meu ex também e to fazendo com ele. Eu coloco a minha felicidade e a minha calma sob responsabilidade dele e isso é muito ruim. Eu tenho que me iniciar no processo de ser feliz sozinha, porque isso vai fazer nós dois felizes.



Eu ainda não consegui trabalhar, mas organizei as minhas contas de início de ano, vi que eu to na merda e me preparei pra sair dela em 2 meses. Pena que meu salário não é semanal...

Ainda não vai dar pra comprar a minha cama, a vida é dura, vou ter que continuar dormindo no chão mesmo. To pensando em talvez comprar a cama, que é barata, e colocar o meu colchão pequeno em cima. E depois, quando eu sair da merda, se eu sair, se eu tiver bolsa de doutorado, eu compro o colchão... Acho que vai ser uma boa, pelo menos eu vou ficar um pouco mais no alto. Não sei porque, mas esse negócio de dormir no chão me deixa meio deprimida.

--------------

Pequenas alegrias de ontem:
- Sexo! ui ui (5x em cinco dias do ano... ainda to longe do meu 7x ao dia 7 dias por semana, mas acho uma boa marca)
- Quarto arrumado e banho tomado
- Brigar com o namorado por telefone e ele aparecer na porta de casa pra fazer as pazes
- Namorado que briga de volta, ao invés de se fazer de vitima
- Arrumar as finanças, fazer planilhas de ano novo, colocar dinheirinho na poupança
- Comer no japonês com a minha amiga mais querida e rir muito

Pequenas alegrias do meu dia que mal começou:
- Estar 300g mais magra do que ontem (dieta a todo vapor)
- A pensão cair na cc! (felicidade pura!)
- Olhar para o meu ingresso para o show do Chico! Ai, como eu amo!

--------------

Planos pra hoje:
- Não ver o meu namorado (e ser feliz mesmo assim)
- Fazer uns histogramas e responder o email do meu orientador na cara dura mesmo
- Chegar ao nível 80 (uhul!)

Amanhã eu vou no banco (ou depois)... quem precisa de cartão de débito? hunf




terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Pequenas alegrias 2012

Eu não sei o que acontece comigo. Agora sempre que eu chego em casa eu sou invadida por sentimentos ruins... tipo de que eu to triste, de que eu seria mais feliz se eu morresse (de preferência com um tiro na cabeça).

Eu tive um início de ano muito bom. Passei a virada na praia de Icaraí com meu namorado e algumas outras pessoas legais. Bebi, comi bem e dormi bastante. No dia primeiro, eu fui pra casa dele, teve churrasco. Eu tava com um pouco de dor de cabeça, mas foi tranquilo. Aliás, eu tive dor de cabeça todos os dias desse ano (3...), mas isso não me impediu de ser feliz.

No dia 2, eu continuei na casa dele, mas ele não estava, ficamos só eu e a sogra, que eu gosto muito. Ela fez um almoço muito bom! Passei o dia lá, feliz, dormi e acordei hoje com meu namorado me beijando (delícia! delícia! assim você me mata...).

Agora eu voltei pra casa e, pela primeira vez no ano, me senti miseravelmente infeliz. Não consigo descrever bem os pensamentos que passam pela minha cabeça...

-----------

Essa noite eu sonhei com meu ex de novo. Na verdade, eu acho que todos os meus ex estavam no meu sonho... Era uma festa. Eu chamei ele pra conversar num canto e falei pra ele que ainda amava muito ele, mas que não tinha como a gente ficar junto porque eu não era feliz ao lado dele.

Isso é verdade. Eu amo ele demais, de verdade mesmo. Mas não é ele o homem pra mim. Eu não sei se existe um homem certo, eu acho que isso é pura invenção. Todos são errados, tem problemas, defeitos, bagagem... Mas existem aquelas pessoas com quem você é feliz, pelo menos por um tempo. Eu não era mais feliz com ele. Eu já fui, com certeza, e tenho muita muita saudade desse tempo.

-----------

Mas voltando né... esse ano eu to sendo feliz. Bastante. E não vou deixar esse minuto de infelicidade estragar os meus três dias de alegrias... Hoje eu já tomei meu remédio pra dormir, daqui a pouco vou estar caindo de sono aqui. E amanhã eu vou ser feliz de novo.

Planos pra amanhã:
1) Escrever a tese
2) Lavar quilos de roupas
3) Jogar wow
4) Fazer os gráficos que meu orientador pediu e mandar pra ele
5) Talvez ir a faculdade, ou pelo menos ligar pra la

Não nessa ordem, claro. Eu acrescentaria acordar cedo, mas acho que vai ser difícil.

-----------

Pequenas alegrias de hoje:
- Almoço maravilhoso, churrasco com asa de frango e linguiça, feijão mulatinho, arroz branco e farofa (acho que não tem como melhorar)
- Sexo com namorado perfeito, gostoso, forte, carinhoso, lindo (todo lindo)
- Cerveja Stella e coca zero
- Deitar na rede com namorado cheiroso
- Dormir no sofá vendo um filminho legal depois do almoço
- Nem um centavo gasto na volta pra casa
- Encontrar minha irmãzinha linda em casa pra não dormir sozinha
- Ainda ter remédio pra dormir (só tem mais um agora, corram para as colinas!)
- Ir ao banheiro duas vezes! uhul! (xô, prisão de ventre, sua feiosa!)

Muitas felicidades pra um dia só!!

Só um extra: eu to me sentindo tão bonita! Apesar de ter engordado um pouquinho e querer começar a controlar a minha alimentação. Minha auto-estima vai muito bem, obrigada! hehehehe